Home > ADVILLAGE > Comércio eletrônico deve ultrapassar a marca de R$ 100 bilhões este ano

ADVILLAGE

13/02/2020 15:44 por Advillage

Comércio eletrônico deve ultrapassar a marca de R$ 100 bilhões este ano

Marketplaces, microempresas e as compras por smartphones puxarão esse desempenho; tíquete médio será de R$ 310

Em 2020, o faturamento do e-commerce brasileiro ultrapassará pela primeira vez a casa dos R$ 100 bilhões, segundo projeção da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm). A estimativa é que as vendas online irão gerar um volume financeiro de R$ 106 bilhões. A cifra representa um crescimento de 18% sobre o ano anterior.

Os marketplaces, as microempresas e as compras através de smartphones deverão puxar esse desempenho. Serão 342 milhões de pedidos, feitos por aproximadamente 68 milhões de consumidores.
O tíquete médio segue na faixa de R$ 310.

De acordo com Mauricio Salvador, presidente da ABComm, até o final do ano haverá cerca de 135 mil lojas virtuais ativas no Brasil, a maioria micro e pequenas empresas. “Com o câmbio favorável à exportação, há ainda oportunidades para que nossas lojas virtuais brasileiras vendam seus produtos para consumidores estrangeiros”, diz o executivo.

Outro fator que pode impactar positivamente o setor é a aprovação do Projeto de Lei Complementar 148/2019 (PLP), que trata da venda multicanal - a compra e venda não presencial de mercadoria com possibilidade de retirada, troca ou devolução, pelo consumidor final em um estabelecimento físico do vendedor ou de terceiros credenciados. O projeto está aguardando a designação de relator na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados.

Siga-nos no Twitter

'
Enviando