Home > ADVILLAGE > Brasil perdeu 7,27 milhões de linhas móveis no ano passado, diz Anatel

ADVILLAGE

08/02/2019 16:42 por Advillage

Brasil perdeu 7,27 milhões de linhas móveis no ano passado, diz Anatel

Mercado de telefonia móvel fechou 2018o com 229,2 milhões de acessos ativos; Vivo é líder com 31,9% de participação

A telefonia móvel perdeu 2.617.069 linhas móveis entre novembro e dezembro de 2018 (queda de 1,13%) e fechou o ano com 229.210.890 linhas ativas. Entre janeiro e dezembro a redução foi de 7.277.658 acessos, o que corresponde a uma queda de 3,08% sobre o mesmo período de 2017.

Em dezembro/18, maio de 2018, foram registradas 129.549.487 linhas móveis pré-pagas, diminuição de 12,77% (18.959.874 a menos sobre dezembro/17). As linhas pós-pagas chegaram a 99.661.403, aumento de 13,28% (+11.682.216).

Nos últimos 12 meses, somente cinco estados apresentaram crescimento no número de linhas móveis:

• Roraima: 23.066 linhas a mais (+4,76%);
• Amapá: 19.245 (+2,72%)
• Amazonas: 66.904 (+1,93%);
• Espírito Santo: 11.654 (+0,31%).

A maior participação de mercado no serviço móvel ocorre no estado São Paulo, com 62.995.649 linhas móveis em operação (27,48% do mercado).

Grupos – Dados das maiores empresas do setor:

• Vivo: 73.160.110 linhas ativas (31,91% do total)
• Claro: 56.416.473 (24,61%)
• TIM: 55.922.528 (24,39%)
• Oi: 37.703.153 (16,44%)

Entre as prestadoras de pequeno porte, que detêm menos de 5% do mercado, a Nextel registrou a maior quantidade de clientes, com 3.300.715 linhas. Seguem a Algar, com 1.289.852 linhas; Porto Seguro, 825.428 linhas; Datora, 397.558 linhas; e Sercomtel, com 62.185 linhas em dezembro.

Tecnologias – Dados de dezembro/18:

4G: 129.842.050 linhas (56,64% do total)
3G: 54.728.630 (23,87%)
2G: 24.850.063 10,84%)
M2M: 19.790.147 (8,63%)

A tecnologia 4G registrou aumento de 27.604.006 linhas (+27%) e a tecnologia 3G registrou redução de 31.888.468 linhas (-36,82%).

Siga-nos no Twitter

'
Enviando