Home > TOME NOTA > Estudo sobre representação e democracia na América Latina é tema de debate no Rio

TOME NOTA

21/10/2019 10:40 por Redação

Estudo sobre representação e democracia na América Latina é tema de debate no Rio

Palestra de Daniella Campello, da FGV EBAPE, será nesta quarta-feira, na sede da FGV em Botafogo

O Laboratório de Estudos Políticos (LEP) da Escola de Ciências Sociais da Fundação Getulio Vargas (FGV CPDOC) realiza na próxima quarta-feira (23), às 14h, a palestra “Choques externos, representação e democracia na América Latina”. A convidada é a professora Daniela Campello, da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (FGV EBAPE).

O evento será realizado no auditório 1014 da Sede FGV (Praia de Botafogo, 190, Rio de Janeiro).

“O voto econômico é uma regularidade amplamente aceita na literatura de ciência política, mas a maioria dos trabalhos sobre o assunto pressupõe que o desempenho econômico seja um resultado direto da formulação de políticas ou, mais recentemente, argumenta que os eleitores podem identificar quando esse não é o caso. Nessa palestra, a professora da FGV EBAPE vai contestar essas afirmações, mostrando que, em um grande subconjunto de países da América Latina, tanto a popularidade presidencial quanto as perspectivas de reeleição dependem fortemente de fatores que independem das escolhas políticas dos presidentes. Esses achados avançam a literatura sobre atribuição de responsabilidade pelo desempenho econômico e apresentam implicações importantes para a qualidade da representação em democracias latino-americanas”, diz a FGV na apresentação do evento.

Daniela Campello é Professora Associada de Política e Relações Internacionais na FGV EBAPE. Ph.D. em Ciência Política pela UCLA, ela foi professora assistente na Universidade de Princeton. Em 2018, foi bolsista visitante da Oxford-CAF. “Sua pesquisa está na fronteira da economia política internacional e comparada, com um foco particular nas consequências da globalização para a democracia e redistribuição de renda em economias emergentes”, diz a FGV.

Saiba mais sobre o evento aqui.

'
Enviando