Home > DOCES E SALGADOS > Bayer e Basf são condenadas nos EUA a pagar US$ 265 milhões a agricultor

DOCES E SALGADOS

17/02/2020 10:21 por Redação

Bayer e Basf são condenadas nos EUA a pagar US$ 265 milhões a agricultor

Tribunal no Missouri decidiu a favor de produtor de pêssegos que teve plantações danificadas por pelo herbicida "dicamba"

Ao fim de um julgamento que se estendeu por três semanas, um tribunal distrital em Cape Girardeau, no Missouri (EUA), condenou as gigantes alemãs Basf e Bayer a indenizarem em US$ 265 milhões um produtor de pêssegos do estado do Missouri, cujas plantações foram devastadas pelo herbicida à base de dicamba produzido pelas empresas.

O dicamba é um composto químico utilizado para matar ervas daninhas em plantações de algodão e sementes de soja geneticamente modificados. Nos últimos anos, o produto tem sido investigado por sua tendência de espalhar por campos vizinhos aos que foram tratados, causando danos.

Bill Bader, o maior produtor de pêssegos do estado, receberá US$ 15 milhões para compensar os danos reais causados pelo dicamba à sua produção, e outros US$ 250 milhões de indenização, relata a Deutsche Welle. O agricultor processou as companhias alegando que seus mil acres (cerca de quatro quilômetros quadrados) de plantação de pêssego foram prejudicados de forma irreparável pelo herbicida que elas produzem, que chegou às suas árvores a partir de fazendas próximas.

Foi o primeiro julgamento nos Estados Unidos a decidir sobre o uso de herbicidas à base de dicamba. A Bayer afirmou estar "decepcionada com o veredito do júri" e comunicou que pretende recorrer da decisão. A Basf também se disse "surpresa e desapontada" e reiterou os planos de apelar à Justiça. Ambas empresas afirmam que seus herbicidas à base de dicamba são seguros quando usados conforme indicado pelos fabricantes.

As duas multinacionais enfrentam uma série de outros processos devido ao dicamba. Os casos devem ser julgados ainda neste ano pelo mesmo tribunal no Missouri. Além do dicamba, a Bayer enfrenta uma série de outros processos milionários ligados ao uso do herbicida Roundup, também fabricado pela Monsanto.

'
Enviando