Home > ADVILLAGE > Telefones de 419 milhões de usuários do Facebook são expostos na internet

ADVILLAGE

05/09/2019 07:13 por Advillage

Telefones de 419 milhões de usuários do Facebook são expostos na internet

Números estavam armazenados em um servidor vulnerável; porta-voz minimiza: "dados são antigos"

 Em um novo episódio de vazamento de dados de usuários do Facebook, cerca de 419 milhões de números de telefones vinculados a contas a rede social ficaram expostos online até o dia de ontem (4). Segundo o site norte-americano TechCrunch, os registros estavam armazenados em registros em um servidor vulnerável (sem proteção por senhas) e se referiam a usuários do Facebook em diferentes regiões, incluindo 133 milhões dos EUA, 18 milhões do Reino Unido e mais de 50 milhões de registros do Vietnã.

Cada registro continha o ID do Facebook exclusivo de um usuário e o número de telefone listado na conta. O ID do Facebook de um usuário geralmente é um número longo, exclusivo e público associado à sua conta. Mas os números de telefone não são públicos há mais de um ano, desde que o Facebook restringiu o acesso aos números de telefone dos usuários. Alguns dos registros também tinham o nome do usuário, sexo e localização por país.

De acordo com o TechCrunch, o pesquisador de segurança Sanyam Jain, que é engenheiro de software e trabalha no Google, encontrou o banco de dados e entrou em contato com o site depois que não conseguiu encontrar o proprietário. Depois que o host (provedor que hospeda o servidor) foi contatado, o banco de dados foi retirado do ar. Jain disse que encontrou perfis com números de telefone associados a várias celebridades.

O porta-voz do Facebook, Jay Nancarrow, disse que os dados foram obtidos antes que o Facebook cortasse o acesso aos números de telefone dos usuários. "Esse conjunto de dados é antigo e parece ter informações anteriores às alterações que fizemos no ano passado para remover a possibilidade de se encontrar pessoas usando seus números de telefone", disse o porta-voz. "O banco de dados foi retirado e não vimos nenhuma evidência de que as contas do Facebook tenham sido comprometidas".

Mas permanecem dúvidas sobre exatamente quem capturou os dados, quando eles foram expostos e por que, assinala o TechCrunch.

Em Julho, o Facebook aceitou pagar uma multa recorde de US$ 5 bilhões para pôr fim a uma investigação da FTC (Federal Trade Commission) sobre sua política de privacidade. Foi a maior penalidade pecuniária já imposta a uma empresa por violar a privacidade dos usuários.

Leia mais:
FTC impõe multa de US$ 5 bilhões e novas restrições à privacidade no Facebook
Multa de US$ 5 bilhões ao Facebook é "um tapa na mão" de Zuckerberg

Siga-nos no Twitter

'
Enviando